ESPERE

Hoje em dia fala-se muito em paz, só que é uma palavra oca, muitas vezes.
Não basta dizer “paz” para a paz acontecer.
É preciso criar ferramentas para ajudar a pessoas a viverem essa paz, a receber essa paz como um dom.
Diz-se muitas vezes “Queremos um mundo melhor”, isso é uma boa intenção, mas o que é que vais fazer em concreto para que o mundo seja melhor?

O curso ESPERE – Escolas de Perdão e Reconciliação – chega a Santo António da Charneca, Barreiro! A paróquia de Nossa Senhora da Graça vai ser a segunda paróquia do país a acolher este Curso, que está marcado para o primeiro e terceiro fim de semana de novembro, e vai ter lugar no salão paroquial na Igreja de Santo António da Charneca.

As Escolas de Perdão e Reconciliação (ESPERE) foram criadas pelos missionários da Consolata na Colômbia, onde ajudaram a acabar com o confronto armado com as FARC.
As ESPERE ensinam a ultrapassar a raiva, o ressentimento, e a perdoar. Porque sem isso não as pessoas não podem reconciliar-se.

É um curso que funciona com ateus, indiferentes, muçulmanos, judeus, budistas, cristãos…

Os cursos são muito práticos, vivenciais, trabalha-se muito em grupo e têm várias etapas. São cinco módulos para o perdão e cinco para a reconciliação.
O módulo «Perdão» será abordado no primeiro fim de semana de novembro: dias 3 (entre as 19h00 e as 22h00), e 4 e 5 (entre as 09h00 e as 18h00) de novembro. Já o módulo «Reconciliação» estará em foco a 18 e 19 do mesmo mês, entre as 9h e as 18h. As refeições são partilhadas.

As ESPERE são uma ação de transformação pessoal, comunitária e social.
Caracterizam-se por uma metodologia inovadora, que abrange o pensar, o sentir, o agir e o transcender, e dotam os participantes de ferramentas e técnicas para poderem trabalhar e gerir emoções como a raiva, o ressentimento, o rancor e os desejos de retaliação, permitindo, pelo perdão, sarar e superar as memórias ingratas do passado.
Este projeto parte do convencimento de que “sem Perdão e Reconciliação, não há futuro”. É o compromisso “por um mundo melhor”.

Recomendado para professores, catequistas, jovens, forças políticas e de segurança pública, e todas as pessoas que queiram deixar a sua marca positiva no mundo.

As inscrições são obrigatórias e limitadas às vagas existentes. No dia 10 de setembro, em menos de 24 horas, as vagas existentes ficaram preenchidas. São aceites inscrições na lista de espera.

As inscrições podem ser feitas aqui ou diretamente com o Pároco.